Você está aqui: Página Inicial / Notícias / XIX Seminário Lahmiei homenageia o Prof. Fred Keller, e comemora os 60 anos da introdução da ABA no Brasil

XIX Seminário Lahmiei homenageia o Prof. Fred Keller, e comemora os 60 anos da introdução da ABA no Brasil

XIX Seminário Lahmiei homenageia o Prof. Fred Keller, e comemora os 60 anos da introdução da ABA no Brasil

XIX Seminário Internacional - Instituto Lahmiei - Autismo

O XIX Seminário Internacional Lahmiei-Autismo comemora os 60 anos da introdução da Análise do Comportamento no Brasil, a qual se inicia e se mescla com a história de Fred Keller em 1961.

            Fred Simmons Keller, nascido em 02 de janeiro de 1899, em Montgomery County (EUA), formou-se em 1926 no Tufts College, e iniciou os estudos de pós-graduação em Harvard nesse mesmo ano, tendo como companheiro B. F. Skinner. Tornou-se mestre em 1928 e doutor em 1931, ambos em Psicologia e pela Harvard University. Passou de assistente a tutor nessa mesma universidade, onde lecionou até 1938, quando aceitou uma bolsa de instrutor na Columbia University, permanecendo até sua aposentadoria.

            Em 1936 casou-se com “Dona” Frances Scholl Keller, com quem permaneceu durante toda a sua vida. Companheira inseparável e presença indispensável tornou-se tão brasileira quanto ele, preferindo o termo Dona (em português) ao termo Mrs (em inglês) por acreditar ser deveras formal.

Escreveu seu primeiro livro The Definition of Psychology (A Definição de Psicologia) em 1937, seguido por Principles of Psychology (Princípios de Psicologia), em colaboração com William N. Schoenfeld em 1950 e em 1954 Learning: Reinforcement Theory (Aprendizagem: Teoria do Reforço), os quais passaram a ser material de estudo para o desenvolvimento da Análise do Comportamento e, atualmente, se tornaram clássicos na área.

Após uma aluna ter assistido a aula do Prof. Keller em Columbia, foi elaborado durante todo o ano de 1960 pelo Prof. Paulo Sawaya, Diretor da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo, uma proposta para um convite formal para ministrar aulas ao Prof. Keller. Com isso, em 1961 chegou ao Brasil pela primeira vez, como professor visitante da Universidade de São Paulo (USP) durante um ano, com o apoio da instituição Fulbright-Hayes. Acompanhado de sua esposa, foi recebido ainda no aeroporto pelo Dr. Sawaya, pelo novo Diretor, o Prof. Mário Ferri, e pela professora assistente de Psicologia Dra. Carolina Bori, dando assim início ao exercício da Análise do Comportamento no Brasil.

Ministrou a disciplina de Psicologia Experimental abordando Pavlov, Watson, Skinner e Thorndike, e iniciou o conteúdo de Análise Experimental do Comportamento e práticas laboratoriais, acompanhadas de pesquisas também práticas. Teve como primeiro assistente nessa disciplina o Prof. Rodolpho Azzi, que se dedicou ao conteúdo e material bibliográfico, além de criar o primeiro laboratório improvisado de ensino e pesquisa, onde um grupo de seletos alunos composto por Maria Amélia Matos, Carolina Bori, Maria Inês Rocha e Silva e Dora Selma Fix Ventura, além do próprio Rodolpho, realizavam experimentação prática e discutiam os livros de Keller com o autor.

Frente a esse início, a trajetória da prática e ensino da Análise do Comportamento no Brasil foi marcada pela pesquisa aplicada voltada ao ensino e pela pesquisa básica com animais, levando aos desdobramentos que conhecemos. Assim, o XIX Seminário Internacional Lahmiei-Autismo traz a sua homenagem e agradecimento a Fred Keller, comemorando os 60 anos de ABA no Brasil.

 

Referências

MATOS, Maria Amelia. Contingências para a Análise Comportamental no Brasil. Psicol. USP,  São Paulo ,  v. 9, n. 1, p. 89-100,    1998 .   Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-65641998000100014&lng=en&nrm=iso>. Acesso em 08 Out. 2020.

 

SABADINI, Aparecida Angélica Z. Biografia de Fred S. Keller. Centro de Memória do Instituto de Psicologia da USP, São Paulo, Fevereiro de 2011. Available from <HTTP:// http://citrus.uspnet.usp.br/cmip/?q=node/570>. Acesso em 08 Out. 2020.

 

KERBAUY, Rachel Rodrigues. O cientista que ensinava. Psicol. USP,  São Paulo ,  v. 7, n. 1-2, p. 225-245,   1996 .   Disponível em <http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1678-51771996000100011&lng=pt&nrm=iso>. Acesso em 08 out. 2020.

 

TODOROV, João Claudio; HANNA, Elenice S.. Análise do comportamento no Brasil. Psic.: Teor. e Pesq.,  Brasília ,  v. 26, n. spe, p. 143-153,    2010 .   Available from <http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-37722010000500013&lng=en&nrm=iso>. Acesso em 08 Out. 2020.