Você está aqui: Página Inicial / Ex-alunos (Egressos)

Ex-alunos (Egressos)

Dissertação de mestrado

Rafael Vilas Boas Garcia. Ensino de tarefas matemáticas com o uso de discriminações condicionais para crianças com Transtorno do Espectro Autista. 2016.  

Rodrigo Dal Ben de Souza. O papel da modelação, reforçamento explícito e reforçamento automático nas descrições em voz passiva: replicação de Wright (2006) e Ostvik et al. (2012). 2016. 

Beatriz Coletti do Sacramento. Identificação de brincadeiras e jogos como consequências de comportamentos de escolha para crianças. 2015.  

Ana Paula Aporta. Ensino de professores para o uso de instrução em tentativas discretas para crianças em Transtorno do Espectro Autista. 2015.  

Fanny Silveira e Silva. Jogo da Partilha: relação entre ganhos, perdas e gênero. 2015.  

Valeria Mendes. Os efeitos do ensino de tato para itens de alta e baixa preferência na emergência do mando em crianças com autismo. 2013.  

Luiza de Moura Guimarães. Relações entre o desempenho e o valor reforçador das relações verbais de tato e textual em contexto de equivalência de estímulo. 2012.  

Camila Politi Penariol. Elaboração, aplicação e avaliação de uma programação de ensino de universitários para o ensino informatizado de relações condicionais envolvidas na leitura inicial/rudimentar. 2011.  

Alice Almeida Chaves de Resende. Transferência de funções ordinais através de classes de estímulos equivalentes em surdos. 2011.  

Marina Zanoni Macedo. Escolha e preferência por alimentos com ou sem valores calóricos em crianças com atraso no desenvolvimento intelectual e sobrepeso. 2011.  

Paulo Augusto Costa Chereguini. Comportamento verbal sob controle de estímulos encobertos em indivíduos com atraso no desenvolvimento intelectual : estudos exploratórios. 2009.  

Giovana Escobal. Escolha e desempenho no trabalho de adultos com deficiência mental. 2007.  

Daniela Mendonça Ribeiro. Aquisição dos operantes verbais de tato e de mando por deficientes mentais através de discriminações condicionais. 2007.

Ana Carolina Sella. Ensino de discriminações condicionais por imitação: efeitos de dois arranjos de apresentação de tentativas. 2005.  

Henildes José Carrer. Avaliação de um programa informatizado de reconhecimento de fala em indivíduos com deficiência mental e com problemas de linguagem. 2005.  

Juliana Rodrigues Tini. Ensino por modelação de discriminações condicionais envolvendo diferentes estruturas de treino e formação de classes equivalentes. 2004.  

Priscila Mara de Araujo Gualberto. Comportamento de subtrair com base no paradigma de equivalência de estímulos: um estudo com deficientes mentais. 2004.  

Giovana Zuliani. Treinamento de mães para aplicação do procedimento de escolha de acordo com o modelo com resposta construída no ensino de cópia e ditado a crianças com deficiência mental. 2003.  

Rafael Siqueira de Guimarães. Análise dos efeitos do rearranjo ambiental de trabalho no desempenho de deficientes mentais severos. 2003.  

Gleice de Souza. Ensino de natação para jovens com Síndrome de Down através do procedimento de correção de erros. 2002.  

Ana Maria Rossi Conceição Silva. O Efeito do Uso de Escolha de Acordo com o Modelo com Resposta Construída (CRMTS) para Produção dos fonemas sonoros. 2001.  

Alessandra de Araújo Ferreira Freire. Ensino multidisciplinar, rede de relações condicionais e crianças de classe especial. 2000.  

Silvia Aparecida Fornazari. Redução de comportamentos inadequados em portadores de deficiência mental, no treinamento profissional. 2000.  

Nilcéia Maria De Vides Gonçales. A escolha profissional do indivíduo com deficiência: uma investigação bibliográfica. 1999.  

Adriana Aparecida Tambasco Piccolo. Aquisição de discriminação condicionais e formação de equivalência isoladamente e em duplas de crianças pré-escolares. 1999.  

Nely Patricia Arcos de Leon. Aquisição de habilidades básicas de matemática através da formação de equivalência em crianças pré-escolares. 1998.  

Silvia Marcia Ferreira Meletti. Experiências profissionais do usuário e do egresso de uma instituição especial. 1997. 

Silvia Regina de Souza. Estudo da aquisição de leitura escrita com significado, através do procedimento de discriminação condicional. 1996.  

Simone Cristina Fanhani Marins. As possibilidades profissionais dos portadores de deficiência mental, de acordo com o enfoque do pai-empregador. 1996.  

Lilian Cássia Bórnia Jacob-Corteletti. Síndrome da Rubéola Congênita: investigação das Características Audiológicas da Deficiência Auditiva em 10 Crianças de 4 a 24 Meses e Do Conhecimento das Mães com Relação à Rubéola Materna e à Prevenção. 1996.  

Júlio André Della Corte. Percepções de profissionais de educação especial quanto a utilização da informática como recurso pedagógico. 1996.  

Cybelli Lavoie. Formação de equivalência de estímulos através de reforçadores comuns utilizando tarefas de discriminação condicional. 1995. 

 

Tese de doutorado

Marina Zanoni Macedo. Efeito da taxa de reforço e da concentração de açúcar na preferência por alimentos de composição tradicional ou light em universitários. 2015.  

Paulo Augusto Costa Chereguini. Transferência de controle da resposta de observação diferencial ecóica na tarefa MTS para relações emergentes de tato. 2014.  

Tatiane Carvalho Castro. Efeitos de variáveis de procedimentos para o estabelecimento do controle contextual de relações condicionais e de equivalência. 2013.  

Jonas Fernandes Gamba. Treino de ouvinte e a relação entre tatos e mandos como protocolo experimental para a aquisição de regras simples. 2012.  

Marileide Antunes de Oliveira. Ensino de universitários para o uso de procedimentos computadorizados de matching-to-sample no ensino de leitura. 2012.  

Daniela Mendonça Ribeiro. A emergência da abstração em crianças autistas através do treino de comportamento de ouvinte. 2011.  

Giovana Escobal. Algumas contribuições do paradigma de escolha para o trabalho de pessoas com deficiência intelectual. 2010.  

Ana Carolina Sella. Transferência de funções ordinais através de classes de estímulos equivalentes: contribuições para a programação de ensino de adultos e crianças surdas e de crianças ouvintes. 2009.  

Maria Georgina Marques Tonello. Efeitos dos treinos físico e mental no ensino do rolamento para a frente em alunos com deficiência mental. 2007.  

Giovana Zuliani. Aquisição e manutenção de comportamentos de leitura e fluência através de contingências de repetição oral e velocidade nos procedimentos de equivalência de estímulos. 2007.  

Leandra Tabanez do Nascimento Silva. Programa computacional de ensino de habilidades auditivas. 2007.  

Nassim Chamel Elias. Procedimentos informatizados de ensino de sinais para adolescentes e adultos com surdez e/ou deficiência mental. 2007.  

Adriana Aparecida Tambasco Piccolo. Aprendizagem observacional e formação de equivalência em crianças normais e com necessidades educativas especiais. 2004.  

Rosana Aparecida Salvador Rossit. Organização e avaliação de um currículo para o ensino de habilidade de manuseio de dinheiro a jovens adultos com deficiência mental, baseado em equivalência de estímulos. 2003.  

Celso Socorro Oliveira. Formação de classes de eqüivalência com estímulos arbitrários (presumidos familiares e não familiares) em portadores de deficiência mental surdos. 2002. 

 

Supervisão de pós-doutorado

Jonas Fernandes Gamba. 2015. Universidade Federal de São Carlos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Antonio Celso de Noronha Goyos. 

Giovana Escobal. 2013. Universidade Federal de São Carlos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Antonio Celso de Noronha Goyos. 

Nassim Chamel Elias. 2011. Universidade Federal de São Carlos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Antonio Celso de Noronha Goyos. 

Vera Lucia Oliveira Ponciano. 2009. Universidade Federal de São Carlos, . Antonio Celso de Noronha Goyos. 

Flavio Cezar Amate. 2008. Universidade Federal de São Carlos, . Antonio Celso de Noronha Goyos. 

Eliane Aparecida Campanha Araújo. 2007. Universidade Federal de São Carlos, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Antonio Celso de Noronha Goyos. 

Rosana Aparecida Salvador Rossit. 2007. Universidade Federal de São Carlos, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Antonio Celso de Noronha Goyos. 

Verônica Bender Haydu. 2005. Universidade Federal de São Carlos, . Antonio Celso de Noronha Goyos.